Vale do Chafariz Selection degustação por Andrea Smith

A região do Alentejo é bastante conhecida pelos seus vinhos tintos, mas e os seus brancos? O que eu aprecio nos vinhos brancos alentejanos, e que os distingue da maioria das outras regiões de Portugal, é que a combinação das castas com o quente e intenso verão resultam em vinhos cremosos e encorpados, que estão à altura da gastronomia portuguesa, rica em pão, carne e pratos de bacalhau.
Durante este mês, enquanto estive de férias na Comporta, uma vila costeira famosa no Norte da região do Alentejo, tive a oportunidade de provar um vinho branco alentejano, Vale do Chafariz Selection 2014, de uma região próxima chamada Vendas Novas.
Vale do Chafariz, do enólogo António Ventura, é um típico blend alentejano de Arinto, Antão Vaz e Verdelho. Um vinho que combina não só uma frescura por ter sido 70% fermentado em cubas de inox mas também a leveza rica no final de boca dos restantes 30% fermentados em carvalho Francês durante 4 meses.
No primeiro gole, temos uma nota cítrica e de mineralidade, que depois se derrete em sabores de frutos maduros como damasco, pêssego e ameixa amarela, sabores típicos que obtemos de castas brancas alentejanas após longa exposição ao sol.

 
Acompanhei este vinho com um coelho estufado, que fiz na primeira noite, cozinhado simplesmente com alho, cebola, folha de ouro e um trago deste mesmo vinho, servido com arroz. Guardei o restante para a noite seguinte para “casar” com frango no churrasco, que deixámos a marinar com pasta de pimentão vermelho, alho e limão.
No geral, preferi beber o vinho com o frango, pois o limão ligou bem com as notas cítricas iniciais do vinho, assim como a salada simples que fizemos e o sabor grelhado destacaram a riqueza do vinho.
Definitivamente, um vinho a beber fresco num dia quente, após a praia. Também teria adorado prová-lo com um peixe grelhado e marisco, pois tenho certeza que seria uma excelente combinação.

 
Viva o Verão!

 

Andrea Smith