PMC Wine&Food traz-lhe 11 curiosidades sobre vinhos

Se está neste momento a cumprir o isolamento social, certamente tem algures em casa uma garrafa de vinho. Quem acha que é mais exigente a degustar vinho, uma mulher ou um homem? E quantas uvas acha que são necessárias para fazer uma garrafa?

Numa altura em que muito se fala sobre o dever cívico do isolamento social, nada melhor do que aproveitar estes dias em casa para aprimorar o seu conhecimento sobre os mais variados temas. De forma a ajudá-lo a relaxar, a PMC Wine & Food, empresa dedicada à comercialização de vinhos nacionais e das suas marcas próprias Malandra e Jaburu, traz-lhe 11 curiosidades sobre vinhos que o vão certamente surpreender!

  • São necessárias 300 uvas para produzir uma garrafa de vinho
  • Quando um especialista fala em “amadurecer” um vinho, significa que este será armazenado em barris de carvalho até ao momento do engarrafamento: só após esse momento é que o vinho começa a “envelhecer” – quando já está na garrafa.
  • Uma videira recém-plantada demora entre quatro a cinco anos até que os seus primeiros frutos possam ser colhidos para a produção de vinho.
  • A pressão interna de uma garrafa de champagne é três vezes maior do que a pressão interna do pneu de um automóvel.
  • Tradicionalmente, os vinhos europeus têm o nome da sua região vínica.
  • Teria de beber 20 copos de sumo de maçã para ter os mesmos efeitos antioxidantes que um copo de vinho tinto.
  • A idade média de uma árvore de carvalho francês colhida para o fabrico de barris de vinho é de 170 anos.
  • Os benefícios do vinho tinto para a saúde provêm dos taninos – este composto é especificamente associado à inibição do colesterol nos vasos sanguíneos, o que é altamente benéfico para a saúde do coração.
  • À medida que o vinho envelhece, vai perdendo a cor. Um vinho jovem tem muita cor e uma tonalidade mais violeta, enquanto um vinho tinto envelhecido tem uma cor mais leve e uma tonalidade mais acastanhada.
  • Agitar o vinho permite a libertação de vários aromas. O objetivo de agitar o vinho é oxigená-lo para deste modo libertar os compostos aromáticos que, ao ficar mais intensos e agradáveis, são mais fáceis de identificar.
  • As mulheres são naturalmente mais exigentes que os homens a degustar um vinho.

 

Para conhecer os vinhos comercializados pela marca, basta aceder a: http://www.pmc-wine.com/